O que fazer a Sidnei?

Posted on sexta-feira, agosto 24, 2012 by nçaz.

Tivesse Sidnei tanta cabeça como talento para jogar futebol estaria no presente no plantel principal da equipa do Sport Lisboa e Benfica. Mas não parece virado para esse lado. Há tempos escrevi sobre Sidnei aqui no blog e, mesmo tendo sido emprestado ao Besiktas, as mesmas atitudes do central brasileiro mantêm-se. Noite, bares, álcool e diversão. Tudo isto levou à dispensa de Sidnei do plantel de Jorge Jesus e na Turquia resolveu seguir o mesmo estilo de vida, juntamente com os portugueses Bebé e Júlio Alves. Obviamente que ao serviço dos turcos teve muitíssimos poucos minutos de jogo e encontra-se actualmente numa missão impossível para encontrar clube. Falou-se no Saragoça, falou-se no Flamengo, falou-se na vontade do jogador de voltar ao Brasil mas, para já, nada de concreto. Devido ao estilo de vida que o jovem defesa tem levado a missão de encontrar um emblema ao qual seja emprestado tem sido complicada. E parece mesmo que nenhum clube esteja com vontade de “pegar” no atleta sul-americano.

Apesar de todas as hipóteses que foram faladas durante o mercado de transferência houve uma recentemente equacionada que não deve ser vista com maus olhos: o ingresso na Equipa B. Sidnei tem ainda 23 anos, idade limite proposta nas equipas B's, o que só por si começa logo por ser uma vantagem, apesar de na ficha de cada jogo na Segunda Liga poderem figurar três jogadores com idade acima dos 23. Representado a equipa secundária do clube poderia perfeitamente relançar a sua carreira futebolística, isto se estiver realmente interessado. Seria seguido de perto por parte dos dirigentes do nosso clube e Jorge Jesus, acrescentaria experiência e qualidade numa defesa jovem, talentosa mas com falta de experiência e seria certamente uma referência defensiva na formação de Norton de Matos. Para Sidnei seria perfeito, após os erros que tem cometido enquanto profissional de futebol. Contudo, é difícil acreditar em tal decisão, visto que o central brasileiro já jogou em primeiras ligas do futebol europeu e em competições europeias como a Liga Europa, pois jogar numa Segunda Liga, por muito competitiva que seja, para um futebolista com um trajecto destes não deve ser alvo de grande motivação. A decisão cabe à direcção e ao próprio jogador e, se ainda quiser fazer algo de útil e bonito no futebol, pode perfeitamente recomeçar do zero na equipa B. Se tal acontecer, o Benfica tem obrigação de o apoiar de modo a que não cometa os mesmos erros do passado. Mas isso é algo que nos últimos anos o clube não tem feito e nem parece saber fazer, preferindo tratar os jogadores como lixo.

No Response to "O que fazer a Sidnei?"

Leave A Reply