A análise: Vitória...

Posted on sábado, setembro 10, 2011 by Krak

Após uma curta paragem para os compromissos das selecções nacionais o Benfica voltará hoje a jogar. Recebe o Vitória de Guimarães no Estádio da Luz e como é óbvio todos "Nós" esperamos uma vitória e se possível com "nota artística".


O Vitória de Guimarães começou a época de forma tenebrosa com 5 derrotas nos primeiros 5 jogos oficiais da época, o que originou a alteração no comando técnico da equipa. Rui Vitória aceitou o desafio de tomar conta dos "minhotos" e estreou-se com uma grande vitória fora frente ao Nacional por 4-1. Confesso que vejo em Rui Vitória um treinador com bastante qualidade e presumo que irá conseguir fazer coisas bastante interessantes com o plantel que dispõe.

O Vitória não poderá apresentar frente ao Benfica a mesma equipa que venceu no jogo anterior, pois Pedro Mendes contraiu uma lesão e não foi convocado para a partida. Contudo já poderá contar com o reforço Nuno Assis, já Urreta cedido pelo Benfica não foi chamado para a partida.


Convocados:

Guarda-redes: Nilson e Douglas

Defesas: Alex, Bruno Teles, João Paulo, N'Diaye, Tony e Freire

Médios: El Adoua, Leonel Olímpio, João Alves, Nuno Assis e Barrientos

Avançados: Toscano, Targino, Faouzi, Edgar e Soudani


Rui Vitória apresentou no seu jogo de estreia um esquema de jogo um pouco diferente do que era habitual no seu anterior clube, um 4-2-3-1 com um duplo pivot à frente da defesa foi o esquema utilizado e que me leva a pensar que hoje apostará na continuidade. Perante todos os pressupostos apresentados anteriormente a minha previsão é que no relvado da Luz o Vitória de Guimarães vai se apresentar da seguinte forma:


Na baliza Nilson conta com a experiência acumulada de há muitos anos e é uma mais valia em grande parte dos jogos.

Na zona defensiva julgo que o quarteto é o melhor dos vimaranenses. Os portugueses João Paulo e Alex conferem a equipa estabilidade que é complementada pelo potencial de N'Diaye e por Teles que é regra geral afoito nas tarefas ofensivas.

À frente da defensiva El Aduoa, central de origem que foi adaptado à posição é muito bom defensivamente, e ao seu lado Olimpio (o lugar também poderá ser de João Alves) para além do labor defensivo confere uma maior capacidade de transição para o último terço.

O criativo Barrientos (Nuno Assis também se poderá estrear) irá tentar pegar na batuta para organizar o jogo ofensivo da equipa. Por sua fez os extremos Faouzi e Toscano prometem ser setas apontadas na principal arma que o vitória irá apresentar em campo, o contra-ataque, tudo isto com o intuito de servir o homem golo da equipa: Edgar.

O Benfica tem hoje um teste importante em sua casa, esperemos que a equipa não demore demasiado a entrar no ritmo de jogo devido a esta paragem do campeonato pois neste ponto o nosso adversário tem a vantagem de não ter sido alvo desta situação. Teremos que ter bastante atenção ao contra ataque do Vitória pois seguramente será esta a maior aposta dos homens de Rui Vitória. Fazendo o nosso trabalho com critério e seriedade tenho a convicção que os 3 pontos não irão fugir. Força BENFICA!

3 Response to "A análise: Vitória..."

.
JV Says....

A equipa do Vitória não é má mas temos obrigação de ganhar este jogo.Penso que defensivamente são fracos nas laterais, Teles é de facto muito ofensivo e Alex , apesar da experiência também não é um grande defensor.Apesar de N`Diaye ser uma promessa é ainda jovem e João Paulo está longe de ser um grande central. Atenção a Barrientos, daqui a um ou dois , se for bem aproveitado , será um médio ofensivo para um clube grande, tem um enorme potencial.

.
Anónimo Says....

Apenas para dizer que no esquema o El Adoua troca com o Olímpio e o Toscano com o Faouzi

Leave A Reply