Trabzonspor x Benfica: Análise Individual

Posted on quarta-feira, agosto 03, 2011 by Krak

O Benfica carimbou esta noite na Turquia a passagem para o Playoff de acesso à Liga dos Campeões ao empatar com o Trabzonspor 1-1. Os Encarnados deslocaram-se à Turquia com uma vantagem de 2-0 e por isso apresentaram algumas alterações tácticas, um meio campo mais povoado e apenas um avançado, coisa pouco habitual nas opções de Jorge Jesus. Apostando em transições mais lentas e um jogo mais pausado que o habitual, ainda assim o Benfica foi superior ao seu adversário e poderia ter voltado para Portugal com uma vitória na bagagem.

Infelizmente tal não foi possível...

Passemos então a uma pequena análise individual dos nossos jogadores baseada na observação via TV em directo:

Artur - Não teve muito trabalho durante o jogo, intervindo bem na maior parte das situações. No lance do golo ainda antecipou e tentou salvar a situação mas não foi possível. - 6

Maxi Pereira - Apesar do esforço e da garra do costume em todas as suas acções, o uruguaio não teve uma noite particularmente feliz. Na jogada do golo do Trabzonspor apesar de não ter tido o apoio necessário julgo que tem algumas culpas no lance. - 5

Luisão - O capitão de equipa teve também algumas responsabilidades no lance do golo. Tirando isso pareceu me um pouco mais nervoso do que costume e isso reflectiu-se nas suas acções no campo. - 5

Garay - Sem o brilhantismo do jogo da 1º mão, ainda assim o reforço Encarnado fez um bela exibição. Defensivamente muito forte, não deu espaços aos seus adversários. Curiosamente hoje a bola não lhe foi confiada tantas vezes para iniciar as jogadas, ponto esse em que se tinha destacado no jogo anterior. - 7

Emerson - Mais um óptimo jogo do brasileiro. Seguro defensivamente e sempre muito bem colocado, com uma gestão dos espaços muito boa. Exibiu-se também mais afoito no ataque do que em partidas anteriores. No golo do Benfica foi muito rápido a ler a situação e a entregar a bola de imediato de modo a desequilibrar a defensiva contrária, salientar ainda que no lance do golo turco dá a sensação que se tivesse mais uns centímetros teria conseguido limpar a situação. - 7

Javi Garcia - Hoje o trinco Benfiquista teve mais companhia no meio campo e não teve que ser ele a "apagar todos os fogos". Fez uma exibição positiva mostrando-se incansável perante o batalhador meio campo turco. - 6

Aimar - O argentino fez hoje uma bela exibição. Quer ofensivamente onde se mostrou bastante mais assertivo do que na partida anterior, quer defensivamente onde foi um trabalhador incansável. Saiu ao que parece esgotado fisicamente, totalmente justificável dado o trabalho que desempenhou. - 7

Witsel - Na minha opinião foi o melhor em campo. É um jogador tremendo que esbanja classe nas acções que desempenha em campo. Tacticamente excelente e tecnicamente muito evoluído, consegue ser um jogador de alta rotação e super completo. Importante na batalha defensiva no meio campo e também óptimo a atacar. Um jogo de grande categoria do médio belga. Pena não ter culminado esta grande exibição com o golo que tão perto esteve e que ele bem merecia. - 8

Nolito - O espanhol começou hoje o jogo como titular. Aposta essa que mais uma vezes resultou perfeitamente, sendo que voltou a marcar. Sempre bastante inconformado e lutador as coisas nem sempre lhe saíram bem, no entanto nunca virou a cara a luta apoiando sempre a equipa na defensiva. Ofensivamente também foi protagonista de algumas belas combinações. - 7

Gaitan - É para mim o jogador menos deste jogo. Sempre bastante individualista e a complicar o que poderia ser fácil. E ao contrário do seu colega de flanco foi um jogador que praticamente não lutou nem apoiou o seu colega na defesa. Terá que melhorar a sua atitude para vir a ser de topo, pois tem condições para isso. - 4

Saviola - Hoje jogou "sozinho" na frente de ataque e mostrou-se bastante activo na partida e a bom plano. Tentando abrir espaços na defesa contrária e sempre a combinar com os colegas mais próximos. Fez a assistência para o golo de Nolito. Rubricou uma exibição positiva. - 6

Matic - O sérvio fez a estreia oficial com a camisola do Benfica entrando já no decorrer da 2ª parte. Dando continuidade ao bom trabalho que vinha fazendo na pré-época entrou bastante bem no jogo, fez uma grande jogada onde assistiu Witsel com a bola a culminar na trave. - 6

Jara - Entrou já na recta final do encontro e tentou combinar com os seus colegas de ataque e dar velocidade ao sector. A salientar um remate perigoso numa das primeiras intervenções na partida. - 5

Bruno César - Foi a última opção a sair do banco e fez assim a sua estreia oficial. Não teve nenhum apontamento relevante nos poucos minutos que esteve em campo.


Neste momento resta-nos aguardar pelo adversário que surgirá no nosso caminho, com a total convicção que a qualidade dos jogadores que temos qualquer um é acessível. A Liga dos Campeões está à distância de 2 jogos!

Nota: A classificação atribuída aos jogadores é baseada numa classificação de 1 a 10.

2 Response to "Trabzonspor x Benfica: Análise Individual"

.
JV Says....

Witsel é , de facto, um jogador extraordinário e um óptimo reforço. Gáitan parece que vem com uma certa mania, um certo complexo de superioridade. Ele é um grande talento mas tem que ser mais competitivo e mais solidário no campo

.
Fly Says....

Boa análise amigo :)

Tenho que sublinhar a exibição do Witsel. Impressionante a qualidade do Belga... Sinceramente não me surpreende essa mesma qualidade,surpreende sim a sua rápida integração na nossa equipa.
Tacticamente irrepreensível,muito bom nos equilíbrios e fabuloso na posse de bola.
Promete época em grande.

Leave A Reply